Deixe um comentário

Helder Barbalho diz que transposição não sofrerá atraso e água chegará ao RN até dezembro

A imagem pode conter: 10 pessoas

O senador Garibaldi Alves destacou em sua conta do facebook que o ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, garantiu na noite desta terça-feira (21) aos senadores Garibaldi Filho, José Agripino, José Maranhão, Cássio Cunha Lima, Raimundo Lyra e José Pimentel que o cronograma da complementação das obras da transposição do Rio São Francisco continua mantido. Se a previsão for cumprida, as águas devem chegar ao Rio Grande do Norte até o final deste ano.

Os senadores do Rio Grande do Norte, Paraíba e Ceará estiveram com o ministro para externar a preocupação de que pudesse haver um atraso na realização dos serviços, já que houve a necessidade de substituir a Mendes Júnior, após a empresa declarar que não tinha condições de continuar tocando a obra. Na semana passada, o Ministério da Integração anunciou o vencedor da nova licitação, o Consórcio Emsa – Siton, habilitado para concluir os serviços restantes.

Deixe um comentário

Kelsp critica sucessivos pedidos de urgência para projetos do Governo

O deputado Kelps Lima (Solidariedade) chamou atenção para mais um pedido de urgência por parte do Governo do Estado. Dessa vez, para projeto que prevê a contratação de 530 agentes penitenciários via concurso. Apesar de aprovar a proposta, o deputado se pronunciou durante a sessão ordinária dessa terça-feira (21) e criticou o que ele chamou de ‘projetos de ocasião’.

“Concordamos que o pedido tem importância, principalmente diante da situação atual. Mas queria chamar a atenção para o ano passado, quando a Assembleia aprovou, em regime de urgência, projeto do Governo do Estado que previa a contratação de agentes penitenciários temporários.  O projeto foi aprovado pela maioria e o Governo não contratou nenhum agente”, disse.

Deixe um comentário

MPF/RN pretende firmar acordos com salineiras que ocupam 3 mil hectares irregularmente

O Ministério Público Federal (MPF) entregou propostas de termos de ajustamento de conduta (TACs) a representantes de 32 indústrias de extração de sal que atuam no Rio Grande do Norte e que foram apontadas, em um relatório conjunto do Ibama e Idema, como ocupantes de 3.284 hectares de áreas de preservação permanente. A entrega das propostas ocorreu durante audiência pública promovida em Mossoró e que serviu para órgãos ambientais e empresários discutirem as soluções para as irregularidades.

Durante a audiência, presidida pelos procuradores da República Emanuel Ferreira e Victor Queiroga, o analista ambiental do Ibama Frederico Fonseca apresentou as conclusões do “Relatório Conjunto de Avaliação Técnica e Ambiental dos Empreendimentos Salineiros do Rio Grande do Norte”, produzido pelo Grupo de Trabalho do Sal (GT-Sal), formado por 11 técnicos do Ibama e Idema e criado em 2014, após uma audiência também realizada pelo MPF em Mossoró.

O relatório apontou que 10,7% dos 30.642 hectares explorados pelas salinas analisadas se encontram em áreas de preservação permanente. “Não é um percentual alto e a mensagem que queremos deixar é que vale a pena recuperar 10% da sua área para conseguir a regularização ambiental de seu empreendimento”, destacou o analista.

Deixe um comentário

Guamaré: vereadores clamam por uma saúde de qualidade, casas para quem precisa e trator para trabalho na terra

Sessão do legislativo em Guamaré bastante tumultuada na tarde de hoje(21), lá estiveram presentes todos os vereadores e um grande número de cidadãos guamareenses.

Vereadora Eliane Guedes, Cobra resposta do executivo

Em seu discurso na tribuna, a vereadora Eliane Guedes foi contundente com a retirada de moradores das residências que seriam entregues aos cidadão carentes da comunidade, onde ela disse que ” essas pessoas ficaram abandonadas , sem ter onde ir…foi uma falta de humanidade tremenda e um desrespeito ao ser humano.” A vereadora ainda pediu resposta aos colegas governistas sobre tal situação.

A vereadora Eliane Guedes também cobrou ações de melhorias em saúde pública no município, dizendo

“… Sem água não podemos dizer que temos uma saúde de qualidade, faz tempo que agente quer entender esse processo de dessalinização, o que aconteceu, mas  ninguém responde, ninguém nos dá uma posição sobre o assunto, o motivo porque isso ainda não saiu , se já foi pago quase R$ 1,0 milhão de reais…”

“…nos temos um centro de saúde muito bom, mas falta humanização, não adianta ter um centro cirúrgico sem UTI, mesmo fazendo cirurgias eletivas(não de urgências) pois temos casos que nossos conterrâneos precisam se deslocarem até a capital, como aconteceu em situações que presenciei com pessoas com Broncoespamo na hora da cirurgia, pessoas com esterectomia total sofreu uma hemorragia e teve que ser socorrida para natal, não adianta encher a boca que fizemos mil cirurgias, mas não queremos quantidade, queremos qualidade…”

“…as pessoas vem de fora e diz que lega que Guamaré pode atender, mas nossos conterrâneos quando precisam de um exame de alta complexidade é 1 ano pra se marcar, isso é vergonhoso.”

Já o vereador Gustavo Santiago

Falou da necessidade do governo voltar seu olhar para o homem  do campo, uma vez que a cidade é composta também por cidadãos que cultivam agricultura em suas terras. Solidarizou-se com a posição da vereadora Eliane , quando  a mesma questionava se os munícipes possuem realmente uma saúde de qualidade.

” Quero enfatizar a importância da agricultura para nossa comunidade, já que esse ano graças a deus, temos chuvas suficientes que enchem os pequenos agricultores de esperança. porque é a certeza que poderemos produzir milho, feijão, soro, vamos ter ração para animais e alimentos para toda família. E as pessoas se queixam, reclamam muito, pois estamos  no terceiro mês do ano  e até esse momento ainda não foi disponibilizado o essencial para que se explore a terra, não temos tratores para cortar a terra e nem semente para semear, já que a semente está muito caro e nossos pequenos agricultores não possuem recursos para comprar.”

A defesa do governo

O vereador Edinor, defendeu o governo, mas nada disse de concreto sobre os temas acima discutidos, disse o vereador Edinor “Meu pronunciamento hoje presidente é para fazer referência aos vereadores que me antecederam aqui, como a vereadora Eliane perguntou como ficaria o povo daquelas casas que foram recém desocupadas; acredito vereadora que a sua preocupação é a preocupação de todos os vereadores dessa casa. Ninguém está aqui para tirar direito de ninguém.  Tenha certeza que a Secretaria de Assistência Social fará o maior esforço para que o serviço seja executado da melhor maneira. Sabemos que tem critérios e os critérios não são nossos.”

O vereador Edinor vendo a necessidade de defender o governo, se perde com suas respostas aos edis oposicionistas, dizendo ; “Com relação a questão de saúde do nosso município sabemos que nós temos uma saúde boa, de qualidade. Precisa se fazer mais, precisa sim. Precisamos avançar mais.”

O discurso do vereador só confirma o que a vereadora Eliane e o vereador Gustavo questionou sobre a falta de uma saúde que atenda as necessidades dos conterrâneos.

Para encerrar a defesa do governo, o vereador Edinor ainda soltou essa perola ” Quanto a necessidade dos tratores para trabalhar a terra, vamos fazer a licitação em novembro/dezembro para que os tratores estejam disponíveis para o inicio de 2018, pois tudo aqui é feito com licitação prévia.”

Parece até brincadeira

Enquanto os agricultores de Guamaré necessitam dos tratores de imediato, o vereador governista pede paciência e diz que a licitação dos tratores serão feitas em novembro/dezembro de 2017.

Casas alagadas

A vereadora Diva chama atenção para as casas que estão em debate na tribuna, dizendo ” não entendo como o governo iria entregar essas casas, se elas estão sem água, energia e não existe nenhum calçamento, todas alagadas com as chuvas. Tem locais que nem se consegue chegar a residencia com tanta lama.”

Deixe um comentário

IBGE contratará 26,4 mil pessoas para Censo Agropecuário

O Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão autorizou a contratação temporária de 26.440 profissionais para o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) fazer o Censo Agropecuário 2017.
As contratações serão feitas por meio de processo seletivo simplificado, e a duração dos contratos será de até um ano, com possibilidade de prorrogação limitada a três anos.
Serão 19.013 vagas para o posto de recenseador, 4.946 para agente censitário supervisor, 1.285 para agente censitário municipal, 381 para agente censitário administrativo, 375 para agente censitário regional, 266 para analista censitário e 174 para agente censitário de informática. O valor das remunerações ainda não foi definido.
Deixe um comentário

Guamaré: enquanto o gestor mostra um modelo de gestão, população demonstra outra

Que o município de Guamaré possui uma das maiores arrecadações do estado, isso ninguém tem dúvida. Agora que o município não atende com zelo, respeito e dignidade os seus conterrâneos, ninguém acredita que aconteça.

Pois bem

Na última sessão da CM de Guamaré, presenciei a grita social de mães, mulheres e  população em geral cobrando ações de cidadania do gestor Helio Miranda.

Na teoria

O gestor guamareense passa a ideia de comprometimento politico/social com sua gente, quando usa os blogs municipais para encobrir uma ausência social vistas por todos que lá residem.

Na prática

Mães carentes clamam por  uma ação social efetiva, melhorias em suas residencias em épocas de chuvas, denunciam retirada de benefícios, buscam reconhecimentos com filhos especiais, além das promessas não cumpridas pelo gestor e seus secretários.

Ouçam as reclamações de mães guamareenses:

Deixe um comentário

Macauenses usam as redes sociais para identificarem falta de gestão municipal

Enquanto o gestor municipal  alardeia emenda de parlamentares para investimentos em saúde pública do município, macauense usam as redes sociais para cobrar posição do gestor, uma vez que o discurso de campanha demonstrava que os cidadãos teriam uma saúde de primeiro mundo, vejam:



Sem falar que

Ações básica de gestão não acontecem com regularidade por todo cenário salineiro, já que cai mais um poste na Praça Dinarte Mariz, lixos se amontoam pela cidade, praças sem sinal de TV, motorista sem diárias, 1 médico por plantão, segue;

Preocupação

Os macauenses usam as redes sociais para demonstrarem o que está acontecendo por toda comunidade, haja visto que os blogs oficias do município mostram  outra realidade com uma Macau de primeiro mundo.

Deixe um comentário

Países como China, o Egito, o Chile, além da União Europeia pedem interrupção na importações de carnes brasileiras

Além da China, o Egito, o Chile, além da União Europeia que anunciaram na segunda-feira medidas para proibir temporariamente as importações do Brasil ou de empresas específicas acusadas pela Polícia Federal de subornar funcionários sanitários por certificados de saúde,  Hong Kong também usa o mesmo procedimento e  proíbe a importação de carne brasileira após a operação Carne Fraca da Polícia Federal levantar questões sobre a segurança da indústria de carne do país.

De acordo com o ministério, a intenção de todos é obterem do País informações sobre se há frigoríficos autorizados a exportar para o Chile entre os alvos de suspeita na Operação Carne Fraca da Polícia Federal.

Deixe um comentário

Estudo demonstra que 40% das crianças de 0 a 14 anos no Brasil vivem na pobreza

Agência Brasil

Desse total, 5,8 milhões vivem em situação de extrema pobreza

Cerca de 17 milhões de crianças até 14 anos – o que equivale a 40,2% da população brasileira nessa faixa etária – vivem em domicílios de baixa renda. No Norte e no Nordestes, regiões que apresentam as piores situações, mais da metade das crianças [60,6% e 54%, respectivamente] vivem com renda domiciliar per capita mensal igual ou inferior a meio salário mínimo.

Desse total, 5,8 milhões vivem em situação de extrema pobreza, caracterizada quando a renda per capita é inferior a 25% do salário mínimo. Os dados fazem parte do relatório Cenário da Infância e Adolescência no Brasil, documento que faz um panorama da situação infantil no país, divulgado pela Fundação Abrinq.

O estudo foi feito utilizando dados de fontes públicas, entre elas o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Nesta quarta edição, a publicação reúne 23 indicadores sociais, divididos em temas como trabalho infantil, saneamento básico, mortalidade e educação.

Deixe um comentário

EMPARN PREVÊ CHUVAS MAIS INTENSAS ATÉ O FIM DE MARÇO

As chuvas tem caído com menos intensidade nos últimos dias em quase todo o estado, como foi previsto pelo setor de meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), mas apesar disso a regularidade continua.

No último domingo, Dia de São José, há registros de precipitações na parte da tarde na região do Vale do Assu e Serra de Santana. Para os próximos dias – fim de março e início de abril – a expectativa é do retorno de chuvas mais intensas, principalmente por conta da mudança de estação. Nesta segunda-feira, por volta das 7h29, aconteceu o equinócio de outono.